Penapolense joga mal em casa e perde a 3ª seguida

Jogando na noite deste sábado, no estádio Tenente Carriço, o Penapolense recebeu o Atlético Sorocaba, e depois de mais uma vez começar vencendo, levou mais uma virada em casa, e acabou derrotado por 2×1, caindo do 2º para o 5º lugar na Série A2 do Paulista.

O 1º tempo foi totalmente dominado pela equipe da casa, só o Penapolense atacou e perdeu várias chances de gol, já o Atlético Sorocaba, esperava por um contra ataque, que não aconteceu. Quando tentou chegar ao gol do goleiro Ricardo, a equipe de Sorocaba esbarrou no setor defensivo da equipe de Penápolis.

O primeiro gol saiu após boa troca de passe entre o ataque, Fio chutou a bola no travessão e no rebote, Dominguinhos, fez 1×0 para a equipe penapolense aos 16 minutos. Se o 1º tempo foi totalmente do time da casa, o começo do 2º tempo foi de pressão do Atlético Sorocaba, que tentou chegar por diversas vezes, mas com nenhuma chance clara de gol.

Com 12 minutos do segundo tempo, o goleiro Ricardo salvou o Penapolense, depois de uma cabeçada a queima roupa, foi a primeira boa chance da equipe visitante. O time voltou a ter boa chance, 5 minutos depois, quando a bola tocou em Biro e por pouco não entrou.

Depois de muito insistir, em uma jogada pelo meio da área, Bruninho passou por 2 zagueiros e bateu sem chance para o goleiro Ricardo, fazendo 1×1, aos 21 minutos.

Mesmo depois do gol, o time de Sorocaba se manteve melhor em campo, e virou o placar aos 36 minutos, depois de um belo chute de Marquinhos, que bateu bem de perna direita, fazendo 2×1 para a equipe visitante.

Mesmo perdendo em casa, o Penapolense não conseguiu mostrar a mesma vontade de outros jogos, e nada conseguiu fazer para tentar pelo menos um empate.

Com o resultado, o Penapolense continua com 31 pontos e agora ocupa a 5ª posição, já o Atlético Sorocaba chegou a 32 pontos e assumiu o 2º lugar que era do Penapolense.

Na próxima rodada, o Penapolense vai até São José dos Campos, enfrentar o São José, a partida será domingo, dia 1º de abril, às 10 da manhã.

Anúncios

Penapolense cai em casa diante do Red Bull

Jogando nesta quarta feira no estádio Tenente Carriço, o Penapolense mais uma vez se complicou diante do Red Bull (time já foi eliminado pelos “Touros” na Copa Paulista) e hoje, começou vencendo com o golaço olímpico de Guaru, mas tomou a virada e perdeu por 3×1.

O jogo começou com o time da casa no ataque, e com a equipe da casa contando com o apoio da torcida, já que a diretoria fez uma ação para aumentar o público. Um show de acrobacias de motocross com o equipe do piloto Jorge Negretti.

Mas o show esperado era dentro de campo, e o começo deu esperança que o Penapolense venceria o Red Bull pela primeira vez na história, e os holofotes focaram Guaru, que aos 5 minutos de jogo, bateu um ótimo escanteio, e o goleiro Gilvan acabou aceitando, a bola foi morrer no fundo da rede, gol olímpico para levar a torcida capeana ao delírio, 1×0 para o Penapolense.

Mas depois disso, o Red Bull mostrou por que tem um bom retrospecto contra a equipe de Penápolis, jogando no Tenentão, e a virada começou aos 29 minutos do primeiro tempo com Danilo Gomes de falta. Depois disso, as duas equipes tentaram, mas no final dos 45 minutos iniciais, o placar apontava 1×1.

No segundo tempo, o Red Bull continuou melhor e chegou a virada aos 29 do segundo tempo, com Guto, depois da bola desviar no zagueiro Vinicius. E aos 39, quando o time tenta o empate, Leandro Love fez o 3º e matou as esperanças da equipe da casa.

Com o resultado, o Red Bull chegou aos 30 pontos e ao 3º lugar. Apesar do resultado, o Penapolense continua na 2º posição com 31 pontos, 1 ponto atrás do Audax, que empatou com o União Barbarense. Nesta rodada, o União São João foi matematicamente rebaixado para a Série A3.

Na próxima rodada, o Penapolense recebe o Atlético Sorocaba, no Tenentão, às 7 horas da noite, com transmissão da Rede Vida.

“São Braz” faz milagres e para o Penapolense

Jogando na noite deste sábado, o Penapolense foi até Santa Cruz do Rio Pardo, enfrentar a equipe da casa, e conheceu a terceira derrota no campeonato. O placar apontou 3×2 para a Santacruzense, apesar do resultado, o placar só não foi outro, porque o goleiro Braz foi o destaque e salvou o time que continua na zona de rebaixamento.

O jogo começou aberto, com as duas equipes muito a vontade e partindo para o ataque desde o primeiro minuto, com a Santacruzense contando com o apoio da torcida para ir para cima do Penapolense. A primeira chance foi do Penapolense, depois de boa jogada pela direita, Luciano Gigante cruzou, Fio fez o corta luz e Guaru acertou a trave. Na sequencia, Ricardo fez uma boa defesa, evitando o primeiro gol da equipe da casa, na continuação do lance, Renan salvou e mandou para escanteio.

Aos 15 minutos de jogo, depois de um escanteio, o zagueiro desviou e Diogo Pereira fechou na segunda trave e fez 1×0 para a Santacruzense. Depois de um escanteio cobrado por Guaru, Perez subiu de cabeça e empatou o jogo, 1×1, aos 18 minutos deste primeiro tempo. Os times continuaram atacando, criando boas chances para os dois lados, mas os atacantes das duas equipes não conseguiram converter as chances em gol.

Aos 44 do primeiro tempo, quando as duas equipes já se preparavam para descer para os vestiários, o Penapolense fez mais uma boa jogada com Guaru, que tocou para Fio, o atacante bateu forte, mas a bola caprichosamente tocou no travessão e não entrou.

O segundo tempo começou com uma chance clara da Santacruzense, o goleiro Ricardo apareceu bem e fez grande defesa, salvando o Penapolense, logo com 1 minuto de jogo. Depois de muita pressão da equipe da casa, em um lance duvidoso, o árbitro marcou um pênalti para a Santacruzense. Deives cobrou o pênalti e fez 2×1 para a equipe da casa.

E com o placar favorável, o time da casa começou a jogar fechado, sem dar muito espaço para o Penapolense, e apostando no contra ataque. Aos 22 do segundo tempo, Deives perdeu a cabeça e agrediu Guaru, o camisa 10 da Santacruzense acabou expulso de campo.

Com a expulsão, o Penapolense cresceu em campo, mas abusou de perder gols. A Santacruzense que já jogava fechada quando estava com 11, se fechou ainda mais. E depois de muito tentar, aos 28 minutos, o atacante Fio fez o gol, com um lançamento de Niander, o atacante chegou antes do goleiro, e empatou o jogo. 2×2.

Depois do gol de empate, o Penapolense foi mais para cima, e quase virou com um lance de Luciano Gigante e Fio, o atacante a queima roupa bateu e o goleiro da Santacruzense fez um milagre. Em uma das poucas subidas da Santacruzense, a bola tocou no canto da trave. Faltando alguns minutos, Rodrigo Biro deu um carrinho por trás e acabou sendo expulso, as duas equipes ficaram com 10 jogadores no fim da partida.

E na cobrança da falta feita por Rodrigo Biro, o goleiro Ricardo falhou e a bola passou pelo goleiro e Bruno, aos 41 minutos do segundo tempo, fez 3×2 para a equipe da casa. Nos minutos finais, o Penapolense tentou, mas não conseguiu passar pela retranca da equipe da casa.

No último lance do jogo, Guaru sofreu a falta, e na cobrança, o próprio Guaru bateu bem e Braz fez mais um milagre e garantiu a vitória da Santacruzense.

Na próxima rodada, o Penapolense recebe o Red Bull, no estádio Municipal Tenente Carriço, na quarta feira, às 7 da noite.

Vitória “magra” e vaga garantida na 2ª fase

Jogando no estádio Tenente carriço, em Penápolis, o Penapolense venceu o Velo Clube por 1×0, garantindo 31 pontos e vaga na 2ª da Série A2. O resultado manteve também, o time na briga com o Audax, pela liderança da 1ª fase. os dois times tem 31 pontos, e o time da capital lidera pelo número de vitórias (10×9).

O primeiro tempo foi mais aberto, com chances para as duas equipes, mas nada que assustasse muito os goleiros, tirando uma bola na trave de Dominguinhos, que quase abriu o placar para a equipe da casa.

No segundo tempo, pouca coisa mudou, os times pareciam felizes com o empate, e pouco faziam para mudar o placar. Mas um fato que está virando rotina nos jogos do Penapolense, depois dos 35 minutos, o time se lança ao ataque em busca do gol.

E nesta quarta-feira não foi diferente, com uma falta aos 37 minutos, Guaru enganou o goleiro, e ao invés de cruzar, bateu direto para o gol, fazendo 1×0 para o Penapolense e fazendo explodir a torcida que estava nas arquibancadas do Tenentão.

Depois do gol, o Velo Clube ainda tentou esboçar uma reação que foi facilmente dominada pela equipe da casa. Que garantiu os 3 pontos e a vaga na próxima fase.

No próximo fim de semana, o Penapolense enfrenta a Santacruzense, às 8 da noite, fora de casa, repetindo a final da Série A3 do ano passado, mas agora em posições totalmente diferentes, enquanto o time de Penápolis já está classificado, enquanto o time de Santa Cruz do Rio Pardo luta conta o rebaixamento.

Vitória fora de casa e a 2ª fase cada vez mais perto, Penapolense 2×0 União São João

Jogando na noite deste sábado, em Araras, o Penapolense enfrentou o União São João, lanterna do campeonato, e venceu por 2×0. Os gols do time de Penápolis foram marcados por Beto e Luciano Gigante.

O jogo começou com correria das duas partes, mas o Penapolense foi mais competente e logo aos 8 minutos de jogo, depois de cobrança de falta de Guaru, Dominguinhos desviou e Beto bateu sem chances para o goleiro, fazendo 1×0 para o time visitante.

Depois disso, o Penapolense continuou dominando o jogo, mas em uma bobeira da zaga, Tauan entrou e bateu na trave, quase empatando o jogo. Minutos depois em um escanteio, o zagueiro Perez colocou a mão bola, o árbitro marcou pênalti, e Tauan bateu e mais uma vez acertou a trave.

No segundo tempo, o Penapolense começou “sufocado” pelo time da casa. Mas num lance aos 5 minutos, Luciano Gigante fez um belo gol, fazendo 2×0 para o Penapolense. Depois disso, várias chances surgiram, mas o Penapolense mais uma vez não foi feliz e não conseguiu converter as chances em gol.

O União São João ainda teve um jogador expulso, depois de agressão fora de lance. O Penapolense continuou pressionando e foi perdendo uma chance atrás da outra, quase aos 30 minutos, Dewide bateu e a bola acertou a trave.

Depois disso, o time de Penápolis continuou pressionando, e com um jogador a mais, o time soube explorar os contra-ataques, mas não conseguiu converter esse domínio em gols.

O próximo jogo do Penapolense é na quarta feira, em casa, contra o Velo Clube. Em caso de vitória, o time de Penápolis garante a vaga na segunda fase do Paulista da Série A2.

Outro empate fora de casa, Penapolense 1×1 Santo André

Jogando na última quarta feira, o Penapolense foi até o ABC enfrentar o Santo André, mas não saiu de um empate em 1×1. Com o resultado, o time caiu na tabela, agora ocupa a vice-liderança.

O jogo não foi no estádio Bruno José Daniel, devido a interdição do estádio, com isso, o jogo foi disputado em São Bernardo do Campo, no estádio 1º de maio (mesmo local onde o Penapolense conheceu sua última derrota, 4×2 para o São Bernardo).

No primeiro tempo, o Penapolense começou melhor e fez o gol aos 37 minutos de jogo, com Fio. Mas a vantagem durou apenas 4 minutos, aos 41, Fábio Santos empatou para o Santo André.

Na segunda etapa, o Penapolense voltou atacando desde o primeiro minuto, mas não foi o suficiente para garantir a vitória e os 3 pontos.

O próximo jogo do Penapolense é amanhã, às 7 da noite, em Araras, contra o União São João.

Com mais uma vitória nos minutos finais, Penapolense bate Ferroviária e assume a ponta

O Campeonato Paulista da Série A2 tem um novo líder, depois de ver o Red Bull perder na noite de sábado, o Penapolense precisava de uma vitória diante da Ferroviária, jogando no Tenentão, para assumir a liderança isolada.

E foi isso que o time de Penápolis fez, venceu de virada e conquistou a liderança do campeonato. Mas a missão da equipe de Luciano Gigante e cia não foi fácil, o time começou perdendo, a Ferroviária do antigo comandante, Ito Roque, saiu na frente, com Tiago Marques, aos 48 minutos do primeiro tempo.

Depois do intervalo, o Penapolense voltou disposto a empatar, e o empate veio aos 22 minutos depois de cobrança de falta de Guaru, que fez seu segundo gol em dois jogos.

E a virada da equipe da casa veio apenas aos 43 minutos do segundo tempo, depois de passe de Niander, Guaru bateu, o goleiro defendeu e a bola sobrou para Fio, que só empurrou para o fundo das redes, fazendo 2×1 e dando a liderança para o Penapolense.

No final do jogo, depois de uma confusão generalizada, Guaru foi expulso do lado do Penapolense e Felipe Blau do lado da equipe de Araraquara.

Com o resultado, o time de Penápolis chegou a 24 pontos, e assumiu a liderança isolada, contra 23 do Red Bull, que não vence a 5 rodadas.

Na próxima quarta feira, o Penapolense vai até o ABC, enfrentar o Santo André, às 3 horas da tarde. O jogo será no estádio 1º de maio, em São Bernardo, onde o Penapolense conheceu sua última derrota, 4×2, diante do São Bernardo.