Penapolense é derrotado pela Ponte Preta por 4 a 2 e fica com o vice-campeonato do Interior

Neste sábado, o Penapolense foi até Campinas enfrentar a Ponte Preta em busca do título do interior. Depois de empatar em casa sem gols, o time de Penápolis precisava vencer atuando no Moisés Lucarelli, fato que só aconteceu duas vezes neste Paulistão – contra o Palmeiras na 1ª fase e contra o Corinthians nas Quartas-de-Final.  O time que fazia sua estreia na elite acabou derrotado por 4 a 2 e ficou com o vice-campeonato do interior e ainda pode garantir vaga na Copa do Brasil do próximo ano.

O jogo começou com a Ponte Preta indo para o ataque com o apoio da torcida, e aos 5 minutos de jogo, Chiquinho abriu o placar depois de aproveitar uma bola que sobrou dentro da área. Depois do gol, a Ponte continuou aproveitando os lances rápidos pelas pontas com Chiquinho e Rildo, já o Penapolense saiu ainda mais para o jogo e chegou a criar boas chances com Geuvânio e Fio, mas Edson Bastos fez boas defesas.

Aos 30 minutos, o jogo começou a mudar, Fernando foi expulso depois de cometer falta em Ramírez aos 28 e em Rildo aos 30. Com um homem a mais em campo, a Ponte dominou o jogo.

8 minutos depois da expulsão, Ramirez lançou Rildo, que cruzou da direta para o atacante William faz 2 a 0 para a Macaca. O time do Penapolense reclamou muito depois do gol, pedindo jogada perigosa de Alef no lance que originou o gol.

3 minutos depois, Perez apoiou em William e o juiz marcou pênalti, na cobrança, o próprio William fez 3 a 0 para o time da casa.

Depois do intervalo, o Penapolense voltou com duas mudanças: Samuel no lugar do goleiro Marcelo que se lesionou e  Biro no lugar de Neto que já tinha o cartão amarelo.

Com 11 contra 10, o time da Ponte continuava a comandar o jogo e foi em busca do 4º gol, que saiu com Adrianinho, que viu Samuel adiantado e bateu de fora da área, marcando um golaço.

No final do jogo, o Penapolense conseguiu descontar duas vezes, primeiro com Anderson Carvalho que completou cruzamento de Magrão aos 35 minutos. Aos 48 do segundo tempo, Ramírez derrubou Magrão dentro da área, na cobrança, Guaru fez o 10º gol dele no Paulistão e o último com a camisa do CAP, já que ele está de saída para o Fortaleza.

O próximo jogo oficial do time será dia 2 de junho, diante do Metropolitano-SC, pela Série D do Brasileirão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s