Penapolense-SP sofre segunda derrota na Série D

O Penapolense continua sem saber o que é conquistar um ponto em competições nacionais, depois de perder na estreia, em casa para o Juventude-RS por 2 a 1. O time voltou da pausa para a Copa das Confederações com nova derrota, dessa vez, fora de casa, para o Marcílio Dias-SC, também por 2 a 1. Com o resultado, o time continua sem nenhum ponto na Série D.

Marcílio Dias-SC começa melhor e abre 2 a 0

O primeiro tempo começou com o time da casa tomando a iniciativa do jogo, e por pouco não abriu o placar logo aos 15 minutos, quando Samuel furou um recuo e Tony só não abriu o placar porque Perez apareceu e salvou o time de Penápolis.

O time de Santa Catarina continua a criar boas chances, principalmente com Rodrigo Jesus, que assustava o goleiro Samuel. O Penapolense assustou em chute de André Luis, mais ainda era dominado pelo Marcílio.

Com a pressão, o gol do time casa saiu aos 30 minutos, quando Rodrigo Jesus invadiu a área e foi derrubado por Biro. Na cobrança, ele mesmo bateu e fez 1 a 0 para o time catarinense. 

8 minutos depois, o Penapolense sofreu o segundo gol, Felipe cruzou e na hora de tirar Neílson acabou fazendo contra, dando tranquilidade ao time da casa.

Penapolense-SP reage, mas não consegue o empate

Com o time perdendo por 2 a 0, o técnico Luciano Dias trocou e colocou Fio no lugar de Daniel, em busca de uma reação, colocando o time no ataque e dando espaço para o Marcílio Dias.  O time voltou mais ofensivo e quase diminuiu com Val Baiano, mas a zaga salvou. Aos 15, Juliano cruzou para Rodrigo Jesus que só não ampliou o placar porque Perez mais uma vez atrapalhou o atacante e salvou o time visitante.

Depois de uma pressão e de um lance perdido por Val Baiano, o Penapolense diminuiu com Neílson, que pegou de primeira um cruzamento vindo da esquerda e não deu chances de defesa para Igor.

Com o gol, o time visitante se animou e quase empatou aos 38 quando Val Baiano recebeu sozinho e bateu para fora. No final, Xipote ainda fez Samuel salvar o Penapolense de tomar o 3º gol, em um chute de longe. Nos acréscimos, o Marcílio Dias teve que se segurar e o Penapolense por pouco não empatou em dois lance, mas no apito final, a vitória ficou com o time catarinense.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo no próximo domingo,  em Santo André, diante do time da casa, no estádio Bruno José Daniel, às 15h.

Anúncios