Dimba marca e Penapolense vence o Velo Clube

dimba.jpg

Dimba mais uma vez brilhou e garantiu a segunda vitória do CAP (Foto: Junior Reche/ CA Penapolense)

Neste sábado (29), o Penapolense foi até Rio Claro enfrentar o Velo Clube pela sexta rodada da Copa Paulista. O time de Penápolis venceu por 1 a 0, com gol de Dimba.

Com os três pontos conquistados, o CAP voltou ao G4 do grupo com sete pontos conquistados, já o Velo continua com quatro pontos na sexta colocação.

Poucas chances e zero a zero no placar

Jogando em casa e com apoio da torcida, o Velo Clube até tentou se lançar ao ataque no começo da partida, mas esbarava na forte marcação do time visitante.

Do outro lado, o CAP tentava jogadas de velocidade e cruzamentos para a área buscando o centroavante Dimba, um dos destaques do time na Copa Paulista.

Apesar de muito esforço, os dois times tiveram poucas chances e não conseguiram tirar o zero do placar.

Dimba brilha e CAP vence

Depois do intervalo, o Penapolense voltou melhor e foi para o ataque em busca da vitória. Aos 7 minutos, o atacante Dimba enfim tirou o zero do placar, depois de receber passe de Paulinho dentro da área, girar e bater sem chance para o goleiro, fazendo 1 a 0 para o CAP.

Em desvantagem no placar, o Velo foi para o ataque e tentava de todas as formas o gol de empate. No final da partida, o time da casa foi para o “abafa”, mas parou na defesa do Penapolense que garantiu a segunda vitória da equipe.

Próximos jogos

O Penapolense volta à campo no próximo sábado, 5 de agosto, para enfrentar a Ferroviária, que é líder do grupo, às 18h30, no Tenentão. Já o Velo Clube só volta à campo no dia 12 de agosto, às 19h00, para enfrentar o Noroeste, no Benitão.

Anúncios

Em clássico regional, Linense bate o Penapolense por 3 a 1

Linense

Linense fez 3 a 1 e garantiu sua primeira vitória na Copa Paulista (Foto: José Luis Silva/CA Linense)

Pela quarta rodada da Copa Paulista, o Linense recebeu o Penapolense, no Gilbertão, e conseguiu sua primeira vitória na competição. O time da casa venceu por 3 a 1, com gols de Léo Ribeiro, Giovanni e Tavares; o atacante Dimba descontou para o time de Penápolis.  Com a vitória, o Linense chegou à 6ª posição com três pontos, já o CAP é o 5º colocado com quatro pontos no Grupo A.

Linense sai na frente

Mesmo jogando fora de casa, o CAP começou melhor e por pouco não abriu o placar logo no primeiro minuto, Dimba teve ótima chance, mas acabou batendo para fora.

E como diz aquele ditado: “Quem não faz, toma”, e aos 9 minutos, Léo Ribeiro aproveitou a falha na zaga e chutou duas vezes para vencer o goleiro e fazer 1 a 0 para o time da casa.

Em vantagem, o Linense continuou pressionando e aos 20 minutos chegou ao segundo gol, dessa vez com Giovanni, que limpou a zaga e bateu sem chance para o goleiro do CAP. E o Elefante só não foi com uma vantagem maior para o intervalo porque Davi arriscou e por pouco não fez o 3º do CAL.

Dimba diminui, mas Tavares garante a vitória

Como no primeiro tempo, o CAP voltou disposto a diminuir a vantagem e buscar pelo menos o empate. E essa pressão deu resultado, aos 10 minutos, Dimba aproveitou o escanteio, se antecipou e de cabeça fez o 1º do Penapolense.

Animados com o gol, o time visitante partiu para o ataque e teve boas chances de empatar a partida. Apostando nos contra-ataques, o Linense conseguiu matar a partida com Tavares, que recebeu ótimo cruzamento aos 29 minutos e deu números finais à partida.

Próximos jogos

Na próxima rodada, o Linense vai até Mirassol no domingo, enfrentar a equipe da casa às 10 horas. Já o Penapolense está de volta a campo apenas no dia 29 de julho, diante do Velo Clube, fora de casa.

Penapolense empata com o Noroeste e segue sem vencer na Copa Paulista

dimba final.jpg

Dimba marcou o gol do Penapolense que empatou em casa (Foto: Júnior Reche/CA Penapolense)

Neste sábado (08), o Penapolense recebeu o Noroeste e acabou saindo de campo apenas com um empate em 1 a 1 pela segunda rodada da Copa Paulista. Os dois times criaram poucas chances e acabaram ficando sem os três pontos nessa segunda rodada. Com o empate, os dois times continuam sem vitória na competição. O time de Bauru chegou ao segundo empate, já o time de Penápolis conquistou o primeiro ponto na Copinha.

Pênalti polêmico coloca o CAP na frente

O Penapolense fez valer o fato de jogar em casa e ainda aproveitou a distração do Noroeste para pressionar nos primeiros minutos de jogo. E foi nessa pressão que surgiu o primeiro gol da partida. Num lance polêmico, a bola bateu na mão do zagueiro do Noroeste e o árbitro marcou pênalti para o CAP.  Na cobrança, Dimba abriu o marcador e fez 1 a 0 para o time da casa.

Mas a vantagem durou apenas 7 minutos, Rodrigo Tiuí, que fazia sua reestreia pelo time de Bauru, aproveitou cruzamento de Ítalo e só completou para empatar a partida, depois de falha da zaga capeana.

Pouca emoção e jejum de vitórias

Depois do intervalo, o CAP voltou buscando a vitória, mas esbarrava na boa marcação do Noroeste. Apesar de estar jogando fora de casa, as melhores chances foram do Norusca, que assustou o goleiro do time da casa e por pouco não virou a partida.

Com muita vontade e poucas chances, os dois times acabaram pecando na hora de acertar o gol, o resultado foi o empate com sabor de derrota para as duas equipes.

Próximos jogos

O Penapolense volta a campo no próximo sábado (15), às 18h30, para enfrentar o Mirassol, jogando em Penápolis, no Tenentão. Já o Noroeste recebe o XV de Piracicaba, no sábado, às 16 horas.

Penapolense confirma inscritos na Copa Paulista

dimba final.jpg

Dimba estava no Sertãozinho e voltou ao CAP para a disputa da Copa Paulista (Foto: Assessoria SFC)

No próximo dia 3 de julho, o Penapolense enfrenta o XV de Piracicaba, às 20h, no Barão de Serra Negra, em Piracicaba. A partida é válida pela primeira rodada da Copa Paulista.

Vale lembrar que o XV havia desistido da disputa, mas com a má campanha na Série D do Brasileirão e a desistência do Marília, o time foi convidado pela Federação Paulista para integrar o Grupo 1.

O time comandado por Claudemir Peixoto recebeu alguns reforços para a estreia, mas aposta em nomes da base. O treinador que estava no Andraus-PR, inclusive levou alguns jogadores para o interior paulista.

Para a partida de estreia diante do XV, o CAP não poderá contar com o goleiro Samuel Pires que está machucado, com isso, Cleiton deve ser o titular.

A primeira partida em casa será no dia 08 de julho, às 18h30, no Tenentão, diante do Noroeste de Bauru.

Confira a lista dos jogadores já disponíveis para a estreia na Copa Paulista:

Goleiros: Samuel Pires*, Cleiton* e João (base);

Laterais: Altino*, Valmir (??), Fabiano (base), Otávio (base);

Zagueiros: Guilherme*, Thiago Moura*, PV*, Bruno S. (??), Heitor (base), Neto (base) e Adriano Mina (base);

Volantes: Lennon (Andraus-PR), Carlinhos*, Vinícius (base), Gabriel Rapchan (base);

Meias: Benito*, Paulinho (Batatais-SP), Dwann (Andraus-PR), Léo Marques (Guaratinguetá-SP), Patrick (base);

Atacantes: Dimba (Sertãozinho-SP), Douglas (Ivinhema-MS), Eliel*, Caxito*, Luís Henrique (base), Erly (base), Bill (base);

*jogadores que disputaram a Série A2 pelo Penapolense.

Penapolense vence Rio Branco por 3 a 1 e se aproxima da classificação na Copa Paulista

Penapolense vence a segunda seguida e chega aos 8 pontos (Foto: Silas Reche/CA Penapolense)

Penapolense vence a segunda seguida e chega aos 8 pontos (Foto: Silas Reche/CA Penapolense)

Jogando no estádio Tenente Carriço, o Penapolense enfrentou o Rio Branco na noite desta quarta-feira (14) e venceu por 3 a 1, com gols de Dimba, Kesley e Neílson; Agenor descontou para o time visitante.

Com a vitória, o Penapolense assumiu a liderança do grupo com 8 pontos, os outros 3 times do grupo estão com 6 pontos.

Dimba aparece e coloca o CAP na frente

Em busca de uma vitória que deixaria a classificação próxima, as duas equipes tinham propostas claras, o Penapolense atacaria e o Rio Branco apostaria em contra-ataques. E o jogo começou assim, a primeira boa chance aconteceu aos 5 minutos, numa escapada do time visitante que parou em ótima defesa de Samuel Pires.

Já o CAP só chegou com perigo aos 17 minutos, e Dimba não perdoou. O atacante recebeu belo passe de Paraíba e abriu o placar para o time da casa.

Depois do gol, o Rio Branco partiu para o ataque e quase empatou aos 29 minutos, quando Samuel Pires mais uma vez apareceu bem e fez ótima defesa.

No lance seguinte, Dimba aproveitou o contra-ataque e por pouco não fez 2 a 0. E o atacante do Penapolense estava inspirado, aos 33, fez ótima jogada e passou para Fio, que não alcançou.

A última jogada de perigo foi do Rio Branco, aos 39 minutos, quando Diegão recebeu cara a cara com Samuel e mais uma vez, perdeu a chance de empatar.

Kesley faz golaço e Neílson garante a vitória

Com um cenário diferente do começo da partida, foi o Rio Branco quem partiu para o ataque em busca do empate, deixando espaços para o Penapolense.

Em um contra-ataque, Kesley fez ótima jogada e na sobra Vinícius chutou por cima do gol.

Aos 23, o Rio Branco novamente chegou bem e Felipe Merlo salvou o CAP do gol de empate.

No lance seguinte, Kesley recebeu ótimo passe e bateu por cima do goleiro, fazendo um golaço e botando o CAP em vantagem no Tenentão.

E o Penapolense continuou dominando e aos 33 veio o golpe de misericórdia, Neílson dividiu com o zagueiro e acabou fazendo 3 a 0 e praticamente dando números finais à partida.

Aos 39, Agenor apareceu bem e aproveitou o cruzamento para descontar para o Rio Branco, mas já era tarde para reação.

Próxima partida

Pela última rodada da segunda fase, o Penapolense enfrenta o Nacional fora de casa, às 10h. Já o Rio Branco recebe o Paulista, no mesmo horário, no Décio Vitta.

Fora de casa, Penapolense consegue o empate contra o Paulista aos 48 do 2º tempo

Jogando no estádio Jayme Cintra, em Jundiaí, Paulista e Penapolense se enfrentaram pela terceira rodada da segunda fase da Copa Paulista. O placar final foi 2 a 2, com gols de Jader e Gabriel Nunes para o Paulista;  Ricardo Duarte e Dimba empataram para o Penapolense.

Com o empate, o CAP chegou aos 2 pontos e assumiu a terceira posição do grupo; já o Paulista foi a 5 e está na vice-liderança.

Paulista sai na frente, mas Penapolense consegue empate

Jogando em casa e como líder do grupo, o Paulista partiu para o ataque e chegou perto de abrir o placar logo aos 3 minutos – com belo chute de Cajado, que acertou o travessão do goleiro Samuel.

Aos 8 minutos foi a vez de Jader arriscar de longe e passar perto do gol de Samuel. Dois minutos depois, foi a vez do Penapolense chegar, Paraíba recebeu cara a cara com o goleiro e bateu forte para boa defesa de Yago.

O Penapolense equilibrou o jogo e por pouco não abriu o placar com Fio, que aproveitou falha da zaga do Paulista e por pouco não encobriu o goleiro Yago.

Aos 16 minutos, Cajado novamente acertou belo chute, dessa vez acertando a trave, no rebote, Jader empurrou para as redes fazendo 1 a 0 para o Paulista.

3 minutos depois o Penapolense consegue o empate. Na cobrança de escanteio, Ricardo Duarte sobe mais que a marcação e marca para o CAP, fazendo 1 a 1.

Os dois times erraram muitos passes e pouco criavam, até aos 42 minutos, quando Gabriel Nunes quase fez o 2º, mas parou em ótima defesa de Samuel.

Paulista perde pênalti e toma o castigo do Penapolense aos 48 minutos

A segunda etapa começou da mesma forma que a primeira, com o Paulista sufocando o Penapolense em busca do gol. A primeira boa chance surgiu logo aos 4 minutos, Serrano arriscou, Samuel rebateu e a zaga afastou o perigo.

Aos 26 minutos, o árbitro marcou pênalti para o Paulista, depois de Ricardo Duarte tocar com a mão na bola. Na cobrança, Gabriel Nunes bate bem e faz 2 a 1 para o Paulista.

O Penapolense respondeu aos 31 minutos, depois de boa jogada, Paraíba arrisca e a bola passa perto do gol de Ian.

O lance chave da partida aconteceu aos 36 minutos, o juiz marcou mais um pênalti para o Paulista, depois que Neílson derrubou Rafinha dentro da área. Na cobrança, Rafinha acerta a trave e perde a chance de ampliar a vantagem do Paulista.

Um minuto depois, Ian aparece bem e salva o Paulista de tomar o gol de empate, depois de mais uma boa chance de Paraíba.

Depois de ver o Paulista perder o pênalti, o Penapolense cresceu em busca do empate.

Aos 48 minutos, o atacante Dimba que havia entrado 7 minutos antes, apareceu livre no segundo pau para empatar a partida.

Próximo jogo

Os dois times voltam a se enfrentar no próximo domingo (10/10), às 10h, em Penápolis, no estádio Tenente Carriço.