Jequié e PFC Cajazeiras decidem vaga na elite do Baianão em 2018

19113837_1853819991534707_5848774231053949878_n1497896382885.png

Jequié e PFC Cajazeiras vão decidir o título da Série B do Campeonato Baiano (Foto: Francisco Galvão / PFC-Cajazeiras)

A Série B do Campeonato Baiano está perto de definir seu campeão. No último final de semana, a última rodada da primeira fase apontou os finalistas da competição.

As duas equipes que entraram com vantagem na 10º rodada garantiram a vaga na grande final, Jequié e PFC Cajazeiras, disputam a única vaga na elite em 2018.

Jogando em Pituaçu, o PFC Cajazeiras empatou com o Colo Colo por 3 a 3. O time de Ilhéus saiu na frente, mas tomou a virada e conseguiu o empate. E o resultado levou o Cajazeiras aos 18 pontos, garantido a vice-liderança na primeira fase. Já o Colo Colo ficou com 15 pontos, na quarta posição.

Jogando fora de casa, o Jequié venceu o Atlético de Alagoinhas por 1 a 0, com gol no finalzinho do segundo tempo. Com a vitória, o time de Jequié chegou aos 21 pontos e garantiu a vantagem de decidir o acesso em casa, já que foi o líder da primeira fase. O Atlético permaneceu com 15 e ficou na terceira posição.

Como fez a melhor campanha na fase de classificação, o Jequié terá a vantagem de decidir no Waldomiro Borges e ainda terá a chance de jogar por dois resultados iguais para garantir o título.

As datas das finais devem ser divulgadas em breve pela Federação Bahiana de Futebol.

Anúncios

Última rodada da Série B do Baiano define seus finalistas

pfc-cajazeiras1497538512458.png

Jequié e PFC Cajazeiras são os favoritos para chegar à final da Série B do Baianão (Foto: Francisco Galvão / PFC-Cajazeiras) 

A Segunda Divisão do Campeonato Baiano está chegando à última rodada e vai definir seus finalistas neste fim de semana. A 10ª rodada acontece neste sábado (17), com jogos decisivos. O PFC Cajazeiras recebe o Colo Colo, às 17h, no estádio de Pituaçu. Uma vitória do time da casa garante a equipe na final da competição.

Na outra partida, o Atlético de Alagoinhas recebe o líder Jequié, em busca de um bom resultado para continuar sonhando com a vaga na final. A situação do time de Alagoinhas é complicada, o time possui 15 pontos e um saldo de gols de +1, o líder tem 18 pontos e um saldo de +11.

Para conquistar a vaga na final, o Atlético de Alagoinhas precisa vencer e torcer por um tropeço do vice-líder, PFC Cajazeiras, que tem 17 pontos e pega o Colo Colo, que possui 14 pontos e poucas chances de classificação.

Vale lembrar que os dois classificados na primeira fase se enfrentam em jogo de ida e volta na final para definir o acesso, apenas a equipe campeã garante vaga na elite do futebol baiano em 2018.

Confira os próximos jogos da 10ª rodada:

17h – Teixeira de Freitas x Ypiranga*

17h – PFC Cajazeiras x Colo Colo

17h – Atlético de Alagoinhas x Jequié

Classificação:

1º – Jequié – 18 pontos – Saldo: +11

2º – PFC Cajazeiras – 17 pontos – Saldo: +5

3º – Atlético de Alagoinhas – 15 pontos – Saldo: +1

4º – Colo Colo – 14 pontos – Saldo: -2

5º – Teixeira de Freitas – 9 pontos – Saldo: -6

6º – Ypiranga* – 0 pontos – Saldo: -9

*O Ypiranga teve alguns problemas com investidores e acabou desistindo da competição.

Times baianos não ficam de fora da elite do futebol brasileiro desde 2007

Desde que começou a “Era dos Pontos Corridos”, a Bahia ficou apenas três anos (2005, 2006 e 2007) sem nenhum representantes na elite do futebol brasileiro. No entanto, nos últimos onze anos, os dois maiores times do estado representaram juntos a Bahia apenas três vezes (2003, 2013, 2014).

Faltando cinco rodadas para o fim do Brasileirão 2014, os dois times correm o risco de rebaixamento; o Vitória está a dois pontos da Chapecoense, primeiro time fora da zona do rebaixamento. A situação do Bahia é mais complicada. O time soma 31 pontos e está a cinco da equipe catarinense, faltando 15 pontos em disputa.

pontuaçao

Confira o gráfico detalhado

Segundo matemáticos, a pontuação que pode salvar do Z4 é 45 pontos, mesma pontuação de 2012 e 2013. Faltando 15 pontos (cinco jogos) em disputa, o Bahia precisa de cinco vitórias para chegar aos 46 pontos. Já o Vitória precisa vencer quatro das cinco partidas que ainda vai fazer para chegar aos 46 pontos que livram a equipe do pesadelo da Série B.

Um fato que chama atenção é que nos cinco anos em que esteve na Série A (2003, 2011, 2012, 2013 e 2014), o Bahia venceu o Campeonato Baiano apenas em duas ocasiões – 2012 e 2014.

Já o Vitória esteve na Série A em sete anos (2003, 2004, 2008, 2009, 2010, 2013 e 2014) e venceu o Baianão em seis oportunidades, só perdeu o estadual este ano para o arquirrival – 2003, 2004, 2008, 2009, 2010, 2013.

classificação

Confira o gráfico detalhado

Nos anos que disputou a Série A, o Bahia nunca passou da 12ª posição em 2013. O Vitória alcançou a melhor posição de um clube baiano na “Era dos Pontos Corridos” em 2013, quando ficou em 5º lugar, e por pouco não conseguiu uma vaga na Libertadores da América. Antes disso, o time tinha ficado em 10º lugar em 2008.

* A pontuação e classificação dos clubes em 2014 está atualizada até a 33ª rodada do Brasileirão.