Penapolense-SP vence o Boavista-RJ e continua vivo na Série D

Mesmo jogando fora de casa, o Penapolense-SP venceu o Boavista-RJ por 2 a 0, e continua com chances de classificação para a próxima fase na Série D do Brasileiro.

Com a vitória, o CAP voltou a ser o segundo colocado do Grupo A8 com 9 pontos, e só pode ser ultrapassado pelo Metropolitano-SC na próxima rodada. Já o Boavista-RJ praticamente deu adeus à Série D, já que ainda não venceu nenhuma partida e tem apenas 3 pontos ganhos.

Fio coloca o Penapolense na frente

O jogo começou com o Penapolense dominando a partida e criando as melhores chances, o técnico Narciso colocou o time no ataque, e viu o CAP dominar o time da casa.

Aos 18 minutos, Fio teve boa chance, mas o goleiro fez ótima defesa.

O mesmo Fio voltou a ter boa chance aos 35 minutos, o atacante recebeu de Guaru cara a cara com o goleiro e bateu no canto, sem chances, fazendo 1 a 0 para o Penapolense.

Oliveira decide e o Penapolense respira

O segundo tempo continuou com o Penapolense dominando, e o Boavista buscando uma reação. A situação do time da casa foi ainda pior quando Anderson foi expulso após falta violenta. Com um a menos, o Boavista não conseguiu reagir e ainda tomou o segundo gol.

E aos 45 minutos, Oliveira recebeu de frente para o gol e bateu forte, sem chances para o goleiro do time da casa, fazendo 2 a 0 e garantindo os 3 pontos do Penapolense.

Próximo jogo

O Boavista-RJ volta a campo no próximo domingo (14), para enfrentar o Pelotas-RS, fora de casa. Já o Penapolense está de folga na penúltima rodada, e só volta a campo no dia 21, diante do Pelotas-RS, no Tenentão, pela última rodada.

Anúncios

Guaru perde pênalti e Penapolense empata com Londrina

Neste sábado, o Penapolense recebeu o Londrina, buscando a segunda vitória na competição. O time da casa precisava da vitória para voltar a zona de classificação da Série D. O placar porém, não foi o que os mais de 600 pessoas que estavam presente no Tenentão esperavam, no apito final, o placar apontava 0 a 0.

Com o resultado, a equipe paranaense foi a primeira a garantir matematicamente a vaga para as oitavas de final.

Penapolense pressiona, mas para na trave

Jogando em casa, o Penapolense saiu para o ataque, o técnico Narciso mudou o esquema de jogo e apostou num trio de atacantes, com Oliveira, Fio e o estreante Léo. E as mudanças deram resultado, o time pressionou e criou várias chances, sempre parando no goleiro Vitor.

A melhor chance do jogo aconteceu aos 39 minutos, após troca de passes de Fio e Ferreira, o volante foi derrubado dentro da área. O árbitro marcou pênalti para o CAP. Na cobrança, Guaru deslocou o goleiro, mas a bola caprichosamente acertou a trave e saiu. Mantendo o 0 a 0 no placar.

Londrina volta pressionando e CAP cansa

Depois do intervalo, o CAP sentiu a chance perdida no fim do primeiro tempo e deixou o Londrina dominar o começo da segunda etapa.

O time paranaense precisava do empata para se classificar e não criava muitas chances, o time da casa por sua vez não conseguia manter o ritmo e começava a dar sinais de cansaço.

Narciso fez as 3 substituições, tirando Léo, Guaru e Rômulo e colocando Sérgio Mota, Ademir e Thiaguinho. Mesmo com o fôlego renovado, o time não conseguiu criar boas chances .

O último lance de perigo do CAP foi com Fernando, que bateu para ótima defesa de Vitor. O Londrina ainda assustou com lance de Rone Dias, que bateu por cima de Leandro Santos, mas que Heleno salvou antes da bola entrar.

Próximo jogo

As duas equipes voltam a campo no próximo final de semana, o Londrina recebe o Pelotas, no estádio do Café, às 16, no sábado. Uma hora antes, o Penapolense vai até Saquarema, enfrentar o Boavista.