Penapolense garante empate diante do Independente em Limeira

Jogando neste sábado (24), o Penapolense foi até Limeira enfrentar o Independente e conseguiu um ótimo resultado, o time empatou em 1 a 1, com gols de Americano para o time da casa e Melinho (contra) para o CAP.

Com o empate, o Penapolense joga por outro empate ou por qualquer vitória para se garantir na próxima fase, já o Independente precisa vencer para chegar às semifinais.

Quem passar desse confronto enfrenta o vencedor de Linense e Nacional, que empataram em 0 a 0 na capital paulista e agora decidem a vaga em Lins.

Melinho erra e coloca o CAP na frente, Americano salva o Independente

Jogando em casa e com apoio da torcida, o Independente sabia que precisava garantir um bom resultado no seu estádio e começou pressionando o Penapolense, que apostava nos contra-ataques para buscar o gol.

A primeira boa chance apareceu aos 9 minutos, quando Lucas Xavier acertou o travessão de Samuel Pires e por pouco não tirou o zero do placar.

1 minuto depois veio a resposta do Penapolense, Pará cobrou o escanteio, Melinho tentou tirar a acabou mandando para o fundo das redes, abrindo o placar em Limeira.

O time da casa ainda teve uma boa chance com Americano, que parou em ótima defesa de Samuel Pires.

Aos 26, Americano novamente teve uma boa chance, depois de passe de Lucas Xavier, mas dessa vez, Samuel Pires não pode evitar o 5º gol do atacante do time da casa na Copa Paulista.

E o Independente continuou atacando, aos 36 minutos, Americano teve a chance de virar após bate e rebate dentro da área, mas Samuel Pires apareceu bem e novamente salvou o CAP.

Penapolense volta melhor, mas não consegue o gol

Depois de sofrer pressão quando levou o gol de empate, o Penapolense voltou mais ligado e por pouco não fez 2 a 1. Aos 8 minutos, Pará recebeu ótimo passe e bateu à direita do gol de Marcelo Bonan, que já estava batido no lance.

4 minutos depois, Pará aparece de novo e acerta belo chute que desvia em Dener e mata Bonan, por sorte do time da casa, a bola vai para fora.

E o Penapolense era só pressão, aos 17 minutos, Kesley bateu forte dentro da pequena área e viu Bonan fazer uma excelente defesa para segurar o empate.

Aos 21, mais um milagre de Bonan, após cabeçada de Pará, o goleiro do Independente se esticou todo e salvou o time da casa mais uma vez.

Um minuto depois, Juninho arranca e só para em boa defesa de Samuel Pires.

Aos 34 minutos, Julio César marcou para o Independente, mas o árbitro já havia marcado falta na dividida do jogador com o goleiro do CAP.

Os dois times tentaram criar chances no fim da partida, mas esbarraram no cansaço e na boa marcação do adversário.

Próximo jogo

Os dois times voltam a se enfrentar no próximo domingo (01), às 10 horas, no estádio Tenente Carriço, em Penápolis, valendo uma vaga para a semifinal da Copa Paulista.

De virada, Penapolense vence Nacional e garante liderança do Grupo 07

Jogando neste domingo (18) em São Paulo no estádio Nicolau Alayon, o Penapolense venceu o Nacional por 3 a 1, com gols de Dimba (2) e Kesley; Jorge Mauá descontou para o time da casa. Os dois times se classificaram para o “mata-mata”, o Naça foi um dos 2 melhores 3º colocados. Já o time de Penápolis terminou na liderança com 11 pontos.

Mauá coloca o Nacional em vantagem

Jogando em casa, o Nacional partiu para o ataque e tentava ter a posse de bola para furar a zaga capeana.

Em jogo equilibrado, Ricardo foi o primeiro a ter uma boa chance e por pouco não abriu o placar para o Penapolense. Caio respondeu e viu a bola passar perto do gol do goleiro Samuel.

Apesar de dominar o primeiro tempo, o time da casa só teve chance clara aos 41 minutos, quando Jorge Mauá pegou de primeira e surpreendeu o goleiro Samuel Pires, que estava adiantado e fez um belo gol, abrindo o placar para o Nacional.

Depois do gol, o Nacional cresceu e por pouco não ampliou o placar antes do intervalo, mas parou na boa marcação do Penapolense.

Dimba brilha e CAP garante a vitória

O CAP voltou disposto a vencer e mudou a forma de jogar. E a diferença apareceu logo no primeiro minuto, quando Dimba deu um chapéu no goleiro Carlão, mas foi travado por Jairo. O Nacional tentava garantir o resultado e se segurava como podia.

Mas aos 10 minutos, Dimba não desperdiçou, bateu de fora da área e venceu o goleiro Carlão, empatando a partida.

Com o empate, o Nacional foi para o ataque e abriu espaço para o time do técnico Paulinho Kobayashi. Caio fez boa jogada e cruzou para Jorge Mauá, que bateu a queima roupa e viu Samuel Pires fazer uma excelente defesa e garantir o empate.

Aos 26 minutos, Kesley bateu de fora da área e viu o goleiro Carlão não alcançar, virando a partida para o CAP.

E antes do apito final, Dimba apareceu de novo e fez 3 a 1 para o Penapolense, garantindo a liderança do Grupo 07.

Próxima fase

Com a liderança do grupo, o Penapolense vai enfrentar o Independente – com a vantagem de definir a vaga em casa, jogando no Tenentão. O calendário deve ser divulgado essa semana.

O Classificado do confronto entre Penapolense e Independente enfrenta o vencedor de Linense e Nacional. Do outro lado da chave, o vencedor de União Barbarense e Rio Branco enfrenta o vencedor de Mirassol e Ituano.

Confira os confrontos do mata-mata:

Linense x Nacional

Penapolense x Independente

União Barbarense x Rio Branco

Mirassol x Ituano

Com 13 desfalques, Penapolense é derrotado por 3 a 2 pelo Linense

Jogando no estádio Tenente Carriço neste domingo (30), o Penapolense  recebeu o Linense e foi derrotado por 3 a 2, Rafael Aidar (2) e Marcelo Bispo marcaram para o time de Lins, Pará e Felipe Merlo descontaram para o CAP. Com a derrota, o time da casa ainda vai disputar a vaga na próxima fase com o Rio Preto – 4º colocado com 6 pontos, um a menos que o time de Penápolis. Já o Linense continua na vice-liderança com 11 pontos, 1 a menos que o líder Mirassol.

O destaque foi o público de mais de 2.100 pessoas que acompanharam a partida no Tenentão, bem superior à média da equipe na Copa Paulista, graças à promoção realizada pela diretoria do CAP.

CAP sai na frente, mas Linense empata no final

A partida começou com o Penapolense apertando o time do Linense e o gol saiu logo no começo da partida, aos 8 minutos, Pará cobrou falta e Felipe Merlo aproveitou a sobra para fazer 1 a 0 para o CAP.

Depois do gol, o Linense criou algumas chances com Rafael Aidar, mas não assustou o goleiro Samuel Pires.

O Penapolense tentou o segundo gol, mas esbarrou na boa atuação de Reynaldo e nas más finalizações do ataque capeano.

Aos 45 minutos, depois de escanteio cobrado, Marcelo Bispo aproveita e manda para o fundo das redes fazendo o 1º do Linense e empatando a partida antes do apito do árbitro.

Rafael Aidar brilha e Linense garante a vitória

Diferente do primeiro tempo, o Linense começou atacando e logo apareceu a estrela de Rafael Aidar. Aos 5 minutos, Alex Barros cruzou para o atacante fazer o gol e virar a partida para o Linense.

A comemoração do time visitante durou 3 minutos, Pará acertou um belo chute marcando um belo gol para o Penapolense e empatando a partida.

Depois do gol, os dois times se estranharam e sobrou cartão vermelho para o técnico do Linense, Moisés Egert.

Pará e Romarinho voltaram a assustar e por pouco não colocaram o CAP de novo na frente.

O castigo veio aos 16 minutos, novamente Rafael Aidar marca, depois de cruzamento de Chorão, o atacante aproveita e colocar o Linense novamente na frente.

Buscando o empate, o técnico Paulinho Kobayashi fez alterações colocando o time ao ataque, mas o time não conseguiu marcar e somou a segunda derrota seguida.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo no próximo dia 12, diante do Rio Preto, fora de casa, às 15 horas, no Anísio Haddad. O time de Penápolis está de “folga” na próxima rodada.

Penapolense perde para o Linense por 2 a 0

O Penapolense buscava a primeira vitória na Copa Paulista diante do Linense – que fazia sua estreia a competição. Mas o resultado foi melhor para o time da casa, que venceu por 2 a 0, com gols de Rafael Chorão e Léo Torres.

Com a vitória, o time de Lins assumiu a liderança do Grupo 1 com 3 pontos, já o CAP é o lanterna com um ponto em dois jogos.

CAP tenta, mas o Linense sai na frente

Os dois times começaram estudando a maneira de jogar do adversário e abusavam das jogadas no meio campo, com poucas chances claras de gols. O primeiro lance de perigo foi aos 26 minutos, Rodrigo Man cruzou para Fio que bateu para ótima defesa do goleiro.

A partida continuou com poucas chances. A história mudou aos 43 minutos, com passe de Rafael Aidar para Rafael Chorão, que bateu forte e contou com o desvio da zaga para abrir o placar.

Linense garante os três pontos

No começo do segundo tempo, o CAP tentou o empate aos 4 minutos, de novo com Fio, que bateu e a bola passou perto do gol.  Aos 15, foi a vez de Tardelli acertar a trave do Penapolense e mostrar que o Linense não estava satisfeito com o 1 a 0. Dominando o jogo na segunda etapa, o Linense teve tudo para ampliar o placar, mas esbarrou em erros individuais.

No contra-ataque, aos 39 minutos, o Linense matou o jogo com Léo Torres fazendo 2 a 0 para o time da casa.

Aos 45 minutos, Roni quase fez o gol de honra do CAP, mas cara a cara com o gol, o meia bateu para fora.

Próximos jogos

Na próxima rodada, o Linense vai até São José do Rio Preto, enfrentar o Rio Preto, dia 1º, às 15 horas. Já o Penapolense folga no próximo fim de semana e só volta a campo no dia 9, diante do Rio Preto, no estádio Tenente Carriço.

Penapolense fica no 0 a 0 com Mirassol na estreia da Copa Paulista

Na primeira partida das duas equipes na competição, Penapolense e Mirassol fizeram um jogo fraco e ficaram no empate em 0 a 0 na manhã deste domingo no estádio Tenente Carriço, em Penápolis. Com os resultados, todos os times da chave possuem 1 ponto, menos o Linense que folgou nessa primeira rodada.

Jogo fraco e poucas chances

As duas equipes começaram a partida buscando se defender e arriscando poucas subidas ao ataque. E o primeiro teve pouquíssimas chances de gol de ambas as partes. O CAP teve boas chances, a mais clara com Fio, aos 25 minutos, que passou parte da trave do goleiro do Mirassol. O time amarelo respondeu com Igor que cara a cara com o goleiro Samuel, tocou para fora.

Ainda pior

Se na primeira etapa, o Penapolense foi quem ditou o ritmo apesar das poucas chances, na segunda etapa o panorama do jogo se inverteu e o Mirassol por pouco não saiu com os três pontos.

Aos 27 minutos, Lucas recebeu a bola e bateu para o gol, a bola pegou na trave e por pouco não abriu o placar no Tenentão. O Mirassol ainda teve outra chance com Maratá, já o time da casa voltou a assustar no final com Deco, mas não foi suficiente para tirar o zero do placar.

Próxima partida

Pela segunda rodada, o Penapolense vai até Lins enfrentar o Linense, no próximo sábado às 19 horas.

Penapolense conhece seus adversários na Copa Paulista 2015

O Clube Atlético Penapolense conheceu hoje (18) o seu grupo na primeira fase da Copa Paulista de 2015. O clube que foi rebaixado na Série A1 do Paulistão usará a competição como “laboratório” para montar o elenco do próximo ano, quando buscará retornar a elite estadual. A edição da Copa Paulista deste ano traz um número de clubes menor que os anos interiores, são apenas 20, divididos em 4 grupos.

O campeão da Copa Paulista poderá escolher entre uma vaga na Série D do Brasileirão ou uma vaga na Copa do Brasil em 2016 – dependendo apenas da aprovação da CBF para isso. Como aconteceu nos campeonatos do primeiro semestre, os clubes terão um limite de jogadores que poderão ser inscritos na competição. O vice-campeão fica com a vaga que “sobrar” depois que o campeão decidir qual torneio irá disputar em 2016.

O regulamento

Os 20 clubes estão divididos em 4 grupos de 5 times, na primeira fase, os times se enfrentam dentro do próprio grupo em turno e returno. Os três primeiros de cada grupo garantem vaga na segunda fase. Essa fase terá 3 chaves de 4 times cada, com jogos de ida e volta, classificando os dois melhores de cada grupo além dos dois melhores terceiros colocados se classificam para as quartas-de-final.

Das quartas-de-final em diante será confrontos de “mata-mata” com jogos de ida e volta até a decisão.

O CAP volta a disputar a competição depois de dois anos disputando a Série D do Brasileiro em 2013 e 2014. Botafogo de Ribeirão e Red Bull não disputam a competição pois estão na Série D.

O time de Penápolis estreia contra o Mirassol, no estádio Tenente Carriço. A data da partida ainda não foi confirmada, mas a competição será do dia 19 de julho e término previsto para o dia 29 de novembro.

Confira os grupos da Copa Paulista 2015:

Grupo 01
Linense
Penapolense
Catanduvense
Mirassol
Rio Preto

Grupo 02
Capivariano
XV de Piracicaba
Independente
Rio Branco
União Barbarense

Grupo 03
Primavera
São Bento
Grêmio Barueri
Ituano
Paulista

Grupo 04
Juventus
Osasco Audax
Nacional
São Bernardo
São José EC

Confira os jogos da primeira rodada:
Rio Preto x Catanduvense
Penapolense x Mirassol
Capivariano x Independente
Rio Branco x União Barbarense
Ituano x Primavera
Grêmio Barueri x Paulista
São Bernardo x Nacional
São José x Juventus

Penapolense faz 3 a 1 no Linense e afunda o rival

Jogando no Tenentão lotado, o Penapolense conseguiu um ótimo resultado, o time venceu o Linense por 3 a 1 e saiu da zona de rebaixamento do Paulistão e ainda empurrou o rival para a vice lanterna do estadual.

Os destaques da partida foram o meia Sérgio Mota – que deu dois passes para gol – e o atacante Crislan – que fez o terceiro gol, no momento em que o Linense pressionava em busca do empate.

CAP perde muitos gols, mas Diego Rosa abre o placar

Jogando com o apoio da torcida que lotou o estádio, o Penapolense atacou desde o primeiro minuto de jogo, e se mostrava disposto a decidir o jogo ainda no primeiro tempo. Antes de abrir o placar, o time criou várias chances de gol e pecou nas finalizações.

Mas aos 28 minutos, Diego Rosa recebeu cruzamento de Sérgio Mota e de cabeça, abriu o placar para o CAP. Enquanto isso, o Linense não se encontrava em campo e deixava espaços para o time da casa dominar todas as ações do jogo.

Mesmo depois de abrir o placar, o CAP buscava ampliar a vantagem e perdeu algumas chances antes do árbitro apitar o fim do primeiro tempo.

Samuel Pires aparece e Crislan define a vitória

O segundo tempo nem começou e o torcedor capeano soltou o grito de gol logo aos 2 minutos, depois de falta cobrada por Sérgio Mota, o zagueiro Luiz Gustavo tocou e fez o segundo do CAP.

Depois do segundo gol, o Linense cresceu e começou a criar chances para diminuir, em vários lances esbarrou na boa atuação de Samuel Pires. Mas aos 15 minutos, nem mesmo a boa defesa do goleiro, depois de chute de Bruno salvou o CAP, que viu William Pottker sozinho no rebote, diminuir a vantagem. Os jogadores do Penapolense reclamaram muito do lance, já que a cobrança foi rápida e pegou a zaga ainda se organizando.

Depois do gol, o Linense cresceu ainda mais e esbarrou em Samuel em algumas oportunidades. Foi aí que brilhou a estrela do técnico PC Gusmão e do atacante Crislan.

Aos 18, o time de Penápolis respondeu e mostrou que não deixaria a vitória em casa no clássico escapar. Depois de desvio de Diego Rosa, o goleiro Anderson não alcançou e Crislan completou para as redes, fazendo 3 a 1 e dando números finais à partida.

Próxima rodada e classificação

O Linense volta à campo no próximo sábado, para enfrentar o Bragantino, em Lins, às 18h30. Já o Penapolense terá pela frente o Botafogo de Ribeirão, fora de casa, na terça-feira, às 19h30.