CAP perde do Olímpia em casa e dá adeus à classificação

Jogando nesta quarta-feira (12), o Penapolense tinha uma missão difícil diante do Olímpia, vencer e se manter com chances de classificação – ainda assim dependia de outros resultados. Mas deu a lógica no Tenentão, o Olímpia venceu por 1 a 0 e acabou com o sonho do Penapolense em ir para a segunda fase da Copa Paulista.

Com a vitória, o Olímpia chegou aos 15 pontos e se mantém na liderança isolada do Grupo 1, já o CAP continua com 4 pontos e é o lanterna do grupo.

Olímpia sai na frente

Com a vaga praticamente garantida, o Olímpia pouco se arriscava, enquanto isso o CAP até tentava, mas esbarrava na falta de qualidade e criatividade do seu meio campo.

Na melhor chance do primeiro tempo, o Olímpia abriu o placar. Aos 42 minutos, a bola foi lançada na área, Nathan aproveitou o rebote de Paes e fez 1 a 0 para os visitantes.

Paes brilha e evita goleada

No segundo tempo o cenário continuou o mesmo, o Olímpia dominou o jogo e parou em grande atuação do goleiro Paes que salvou o CAP de tomar mais uma goleada na competição.

Com a mesma tática, o CAP tentava usar os contra-ataques, mas esbarrava nos próprios erros de passe e de construção de jogadas ofensivas, facilitando a vida dos visitantes.

Próximo jogo

Pela penúltima rodada da primeira fase, o CAP – já eliminado – recebe o Novorizontino – já classificado – no Tenente Carriço, no sábado (15), às 19 horas.

Anúncios

Felipe Fumaça brilha e Olímpia vence o Penapolense por 3 a 0

O Olímpia recebeu o Penapolense nesta quarta-feira (12) e fez muito bem o dever de casa, venceu e convenceu. O time da casa fez 3 a 0 com três gols de Felipe Fumaça – o atacante entrou ainda no primeiro tempo por conta de uma lesão de um companheiro.

Com a vitória, o time da casa assumiu na liderança do Grupo 1, já o CAP ficou com o 5º lugar, fora da zona de classificação.

Olímpia aperta, mas CAP segura o empate

Jogando em casa, o Olímpia tinha que tomar as rédeas da partida, enquanto isso, o CAP buscava se segurar na defesa e apostar nos contra-ataques.

A primeira boa chance aconteceu aos 20 minutos, quando Norton acertou belo chute, tirando tinta do travessão do goleiro Paes. Pouco depois, Max Pardalzinho teve boa chance, mas foi travado na hora do chute. Na sequência, Pará apareceu sozinho, mas cabeceou fraco, facilitando a defesa do goleiro capeano.

A primeira boa chance do CAP foi aos 32, quando Teles bateu forte e obrigou o goleiro a fazer ótima defesa. O time da casa chegou até a abrir o placar aos 40 minutos, mas Lucas Pará estava impedido e o gol foi anulado pelo assistente.

Fumaça aparece e Olímpia garante a vitória

Depois do intervalo, o time da casa não demorou para tirar o zero do placar. Felipe Fumaça aproveitou o rebote e fez 1 a 0 aos 3 minutos. E não deu nem tempo da torcida da casa acabar de vibrar, de novo, Felipe Fumaça apareceu, aos 6 minutos, fazendo 2 a 0.

Em desvantagem no placar, o Penapolense se lançou ao ataque e criou ótima chance aos 15 minutos, quando Jadson saiu cara a cara e viu o goleiro do time da casa fazer excelente defesa.

Com 2 a 0 a seu favor, o Olímpia passou a explorar os contra-ataques, foi assim que saiu o terceiro gol de Felipe Fumaça, aos 21 minutos, dando números finais à partida.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo no próximo domingo, às 10 horas, para enfrentar o Novorizontino, fora de casa.

Penapolense empata com Olímpia e mantém liderança do Grupo 1

O time de Penápolis perdeu a chance de se isolar na liderança, neste sábado, o time empatou com o Olímpia no Tenentão. O time da casa abriu o placar com André Cunha e sofreu o empate nos minutos finais da partida com Robinho. O Penapolense continua na liderança do Grupo 1, com oito pontos em 4 jogos, com o Votuporanguense na cola, com 6 pontos. Enquanto isso, o Olímpia também chegou aos 6 pontos, mas está em terceiro por conta do saldo de gols.

Penapolense sai na frente

Com a partida bastante disputada, os dois times se estudaram bastante no meio campo, em busca de espaços para chegar bem em busca do gol. O Penapolense abusava das jogadas aéreas, já o Olímpia se defendia bem e buscava os contra-ataques em velocidade.

A primeira chance clara só aconteceu aos 35 minutos, quando Cassinho bateu de fora da área e Mumu fez boa defesa.

O primeiro gol saiu aos 43 minutos, quando Fio recebeu dentro da área e bateu forte, o goleiro Mumu deu rebote e André Cunha chegou para empurrar para o fundo das redes. Depois do gol, o time visitante partiu em busca do gol, mas o CAP soube segurar o resultado.

No final, Olímpia consegue o empate

No segundo tempo, o Penapolense continuava melhor e criando boas chances de gol, enquanto o time visitante se defendia e buscava velocidade para chegar ao gol do CAP, mas não tinha muito sucesso.

Aos 22 minutos, Fio ficou perto de fazer 2 a 0, o atacante recebeu ótimo lançamento e bateu forte, mas o goleiro fez ótima defesa.

Apesar das poucas chances, o Olímpia conseguiu o empate aos 39 minutos, Marcos Bahia arriscou de fora da área, o goleiro Samuel Pires deu rebote e a bola sobrou para Robinho que não desperdiçou e empatou a partida.

No fim da partida, as duas equipes estavam em busca da vitória, mas não conseguiram tirar o empate do placar.

Próximos jogos

Os dois times voltam a campo no próximo domingo, para a disputa da sétima rodada do Grupo 1. Às 10 horas da manhã, o Olímpia recebe o Votuporanguense, no Estádio Maria Tereza Breda. Já a tarde, às 16h00, o Penapolense encara o Marília, fora de casa, no Bento de Abreu.