Luciano Dias é o novo treinador do Penapolense para a Série D

Depois da partida contra a Ponte Preta neste sábado, a diretoria do Penapolense anunciou o seu novo treinador, trata-se de Luciano Dias, que estava no Catanduvense.

O treinador que chegar para substituir Pintado e será o responsável por comandar o CAP na Série D do Brasileirão.  Luciano é ex-jogador e começou a carreira de técnico  em 2004 na SEV (Votuporanga). O novo treinador já passou por Corinthians-AL, Oeste-SP, São Bernardo-SP e Red Bull Brasil-SP.

Em 2008, ele conseguiu o acesso para a elite paulista com o Botafogo de Ribeirão Preto. Ainda em 2008, levou o Guarani ao vice campeonato do Série C, garantido vaga para o Bugre na Série B de 2009 do Brasileirão. 2 anos depois, conseguiu fazer o Noroeste subir para a elite do Paulistão.

Se destacou em 2012, depois de fazer ótima campanha a frente do São Bernardo, conquistando o título da Série A2 e o acesso do time do ABC.  No final de 2012 foi para o Cuiabá-MT e evitou o rebaixamento do time mato-grossense.

Este ano voltou para o São Bernardo e ficou apenas 4 rodadas –  1 empate e 3 derrotas. Acabou assumindo o Catanduvense na Série A2 e por pouco não conseguiu mais um acesso perdendo a vaga na última rodada depois de ver a Portuguesa fazer 4 a 1 e eliminar o time do interior.

Com o final do estadual, o treinador não continuou no Catanduvense para a disputa da Copa Paulista e fechou para ser o novo treinador do Clube Atlético Penapolense.

Os jogadores que renovaram contrato e os novos jogadores que chegam para a disputa a Série D serão anunciados na próxima semana.

Anúncios

Pintado não continua no comando do Penapolense para a Série D

O torcedor capeano terá que se acostumar com a ideia de que boa parte dos jogadores que fizeram parte da histórica campanha no Paulistão 2013 não irão vestir a camisa do clube na Série D do Brasileirão. Além disso, a comissão técnica também deve ser outra, o técnico Pintado afirmou que a 2ª partida da final do Troféu do Interior vai marcar sua despedida do time de Penápolis.

“Só tenho a agradecer à diretoria que confiou no nosso trabalho e a esta torcida maravilhosa que nos acolheu muito bem. Tenho certeza que estou de partida, mas deixando as portas abertas. Por isso, sonho em me despedir com um título, que seria um feito histórico no clube”, afirmou Pintado em entrevista a um site.

O treinador chegou depois da demissão de Edison Só, em fevereiro, e fez sua estreia diante do São Paulo no Tenentão. E ficou marcado na história do clube depois de levar o time de Penápolis até as quartas-de-final do estadual.

Depois de ser sondado pelo Guarani e continuar em Penápolis, a expectativa era que o comandante fosse o responsável pela reformulação do elenco para a disputa da Série D. Pintado confirmou que já foi procurado por clubes da Série A e B e por clubes de fora do país – dos Estados Unidos e do México.

A última partida de Pintado no comando do Penapolense será sábado, às 18h30, contra a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli. Em caso de vitória, o treinador sai com a conquista do título do interior.

Além do treinador que se despede nesse sábado,  já deixaram o Penapolense: Silvinho que foi transferido para o São Paulo, Sérgio Mota e Jaílton que foram para o América-MG, Rodrigo Biro que acertou com a Ponte Preta, Guaru que vai para o Fortaleza e Marcelo que foi contratado pelo Paysandu, a lista deve aumentar ainda mais nos próximos dias.

Na estreia de Pintado, Penapolense é derrotado pelo São Paulo

Neste domingo, o Penapolense acabou derrotado pelo São Paulo por 2 a 0, com gols de Rhodolfo e Ademilson, pela 10ª rodada do Paulistão, chegando ao 4º jogo sem vencer.

O jogo foi o primeiro de um dos “quatro grandes de São Paulo” na cidade de Penápolis. Foram mais de 10 mil pessoas dentro do “Tenentão” apoiando a equipe da cidade.

O jogo começou com o São Paulo com maior domínio da bola, e o resultado foi um gol “achado” logo aos 3 minutos de jogo, depois de cobrança de falta, a bola sobrou dentro da pequena área para o zagueiro Rhodolfo, que só teve o trabalho de empurrar para o gol.

Depois do gol, o Penapolense saiu para o ataque e pressionou o São Paulo, criando diversas chances de gol, porém, quando conseguia concluir para na boa atuação do goleiro Dênis.

No segundo tempo, o CAP continuou a pressionar e o São Paulo buscava o contra-ataque. E em um desses contra-ataques, Ademilson chutou de longe e contou com a ajuda do goleiro Roni para fazer 2 a 0 para o time da capital. Depois de sofrer o gol, o Penapolense ainda tentou diminuir a vantagem, mas não conseguia concluir a gol.

Mesmo com a derrota, o time se mantém na 9ª colocação, 2 pontos atrás do Corinthians, que é o 8º colocado. O próximo jogo será sábado, às 18h30, no Tenentão, contra o Paulista – que é o 10º colocado.

Penapolense demite Edison Só e anuncia Pintado como novo técnico

O Penapolense acaba de anunciar seu novo treinador, depois de três resultados adversos, o clube demitiu Edison Só e contratou Luís Carlos de Oliveira Preto, o “Pintado”.

Segundo a diretoria do clube de Penápolis, o acerto com o novo treinador aconteceu neste domingo. “Desejamos a ele, bem como a nova Comissão Técnica, uma boa sorte no transcorrer do Paulistão”, afirmou Nilso Moreira – presidente do clube.

O novo treinador já comanda a equipe no confronto de domingo – diante do São Paulo, no Tenentão. Pintado e a nova comissão técnica se apresentam nesta segunda-feira (25) no Centro de Treinamento do clube para iniciar a preparação para o próximo jogo.

Pintado é ex-jogador e já comandou equipes como Paraná, Noroeste, São Caetano, Náutico, Ponte Preta e Figueirense. Seu último clube foi o CRB-AL.