Confira o que mudou na Série A2 do Paulistão para 2016

A edição do Campeonato Paulista – Série A2 passará por mudanças no regulamento a partir de 2016, isso foi definido no arbitral que aconteceu na semana passada na sede da Federação Paulista de Futebol, com votação da maioria dos clubes sobre as mudanças.

A primeira mudança significativa é o número de acesso, se até 2015 eram 4 clubes que garantiam o acesso, ano que vem serão apenas 2. Além disso, o número de rebaixados sobe de 4 para 6, aumentando a preocupação dos clubes menores.

Outra mudança foi na fórmula de disputa, saem os pontos corridos e volta o “mata-mata”- a primeira fase será em turno único, com 19 rodadas, os 8 melhores se classificam para as oitavas, depois quartas e semis, os dois finalistas estarão na Série A1 em 2017. As quartas e semifinais serão disputadas em duas partidas, já a final será partida única (no dia 8 de maio).

O que continua igual é o limite de 28 jogadores inscritos por equipe (25 jogadores de linha e três goleiros). O prazo para inscrição é no dia 4 de março, ou seja, antes da décima rodada.

O calendário dos jogos só deverá ser divulgado em dezembro, um mês antes do inicio da competição.

Outra mudança que segue o que foi definido na Série A1 é que os técnicos só poderão trabalhar em um clube daquela divisão, evitando a troca de técnicos dentro da mesma série.

Dezenove clubes estão confirmados na Série A2 em 2016, 11 já disputaram a competição em 2015 (Atlético Sorocaba, Batatais, Guarani, Independente, Monte Azul, Paulista, Rio Branco, Santo André, São Caetano, União Barbarense e Velo Clube); quatro foram rebaixados da elite (Bragantino, Marília, Penapolense e Portuguesa) e quatro clubes que conseguiram o acesso (Barretos, Juventus, Taubaté e Votuporanguense).

A última vaga está entre Mirassol e Água Santa – o time de Diadema conseguiu o acesso, mas está com problemas em seu estádio e pode ficar de fora por não ter o número mínimo de lugares para receber jogos da Série A1 e assim pode continuar na Série A2, se não entregar os laudos necessários para a Federação.

Anúncios

De virada, Penapolense vence Nacional e garante liderança do Grupo 07

Jogando neste domingo (18) em São Paulo no estádio Nicolau Alayon, o Penapolense venceu o Nacional por 3 a 1, com gols de Dimba (2) e Kesley; Jorge Mauá descontou para o time da casa. Os dois times se classificaram para o “mata-mata”, o Naça foi um dos 2 melhores 3º colocados. Já o time de Penápolis terminou na liderança com 11 pontos.

Mauá coloca o Nacional em vantagem

Jogando em casa, o Nacional partiu para o ataque e tentava ter a posse de bola para furar a zaga capeana.

Em jogo equilibrado, Ricardo foi o primeiro a ter uma boa chance e por pouco não abriu o placar para o Penapolense. Caio respondeu e viu a bola passar perto do gol do goleiro Samuel.

Apesar de dominar o primeiro tempo, o time da casa só teve chance clara aos 41 minutos, quando Jorge Mauá pegou de primeira e surpreendeu o goleiro Samuel Pires, que estava adiantado e fez um belo gol, abrindo o placar para o Nacional.

Depois do gol, o Nacional cresceu e por pouco não ampliou o placar antes do intervalo, mas parou na boa marcação do Penapolense.

Dimba brilha e CAP garante a vitória

O CAP voltou disposto a vencer e mudou a forma de jogar. E a diferença apareceu logo no primeiro minuto, quando Dimba deu um chapéu no goleiro Carlão, mas foi travado por Jairo. O Nacional tentava garantir o resultado e se segurava como podia.

Mas aos 10 minutos, Dimba não desperdiçou, bateu de fora da área e venceu o goleiro Carlão, empatando a partida.

Com o empate, o Nacional foi para o ataque e abriu espaço para o time do técnico Paulinho Kobayashi. Caio fez boa jogada e cruzou para Jorge Mauá, que bateu a queima roupa e viu Samuel Pires fazer uma excelente defesa e garantir o empate.

Aos 26 minutos, Kesley bateu de fora da área e viu o goleiro Carlão não alcançar, virando a partida para o CAP.

E antes do apito final, Dimba apareceu de novo e fez 3 a 1 para o Penapolense, garantindo a liderança do Grupo 07.

Próxima fase

Com a liderança do grupo, o Penapolense vai enfrentar o Independente – com a vantagem de definir a vaga em casa, jogando no Tenentão. O calendário deve ser divulgado essa semana.

O Classificado do confronto entre Penapolense e Independente enfrenta o vencedor de Linense e Nacional. Do outro lado da chave, o vencedor de União Barbarense e Rio Branco enfrenta o vencedor de Mirassol e Ituano.

Confira os confrontos do mata-mata:

Linense x Nacional

Penapolense x Independente

União Barbarense x Rio Branco

Mirassol x Ituano

Penapolense vence Rio Branco por 3 a 1 e se aproxima da classificação na Copa Paulista

Penapolense vence a segunda seguida e chega aos 8 pontos (Foto: Silas Reche/CA Penapolense)

Penapolense vence a segunda seguida e chega aos 8 pontos (Foto: Silas Reche/CA Penapolense)

Jogando no estádio Tenente Carriço, o Penapolense enfrentou o Rio Branco na noite desta quarta-feira (14) e venceu por 3 a 1, com gols de Dimba, Kesley e Neílson; Agenor descontou para o time visitante.

Com a vitória, o Penapolense assumiu a liderança do grupo com 8 pontos, os outros 3 times do grupo estão com 6 pontos.

Dimba aparece e coloca o CAP na frente

Em busca de uma vitória que deixaria a classificação próxima, as duas equipes tinham propostas claras, o Penapolense atacaria e o Rio Branco apostaria em contra-ataques. E o jogo começou assim, a primeira boa chance aconteceu aos 5 minutos, numa escapada do time visitante que parou em ótima defesa de Samuel Pires.

Já o CAP só chegou com perigo aos 17 minutos, e Dimba não perdoou. O atacante recebeu belo passe de Paraíba e abriu o placar para o time da casa.

Depois do gol, o Rio Branco partiu para o ataque e quase empatou aos 29 minutos, quando Samuel Pires mais uma vez apareceu bem e fez ótima defesa.

No lance seguinte, Dimba aproveitou o contra-ataque e por pouco não fez 2 a 0. E o atacante do Penapolense estava inspirado, aos 33, fez ótima jogada e passou para Fio, que não alcançou.

A última jogada de perigo foi do Rio Branco, aos 39 minutos, quando Diegão recebeu cara a cara com Samuel e mais uma vez, perdeu a chance de empatar.

Kesley faz golaço e Neílson garante a vitória

Com um cenário diferente do começo da partida, foi o Rio Branco quem partiu para o ataque em busca do empate, deixando espaços para o Penapolense.

Em um contra-ataque, Kesley fez ótima jogada e na sobra Vinícius chutou por cima do gol.

Aos 23, o Rio Branco novamente chegou bem e Felipe Merlo salvou o CAP do gol de empate.

No lance seguinte, Kesley recebeu ótimo passe e bateu por cima do goleiro, fazendo um golaço e botando o CAP em vantagem no Tenentão.

E o Penapolense continuou dominando e aos 33 veio o golpe de misericórdia, Neílson dividiu com o zagueiro e acabou fazendo 3 a 0 e praticamente dando números finais à partida.

Aos 39, Agenor apareceu bem e aproveitou o cruzamento para descontar para o Rio Branco, mas já era tarde para reação.

Próxima partida

Pela última rodada da segunda fase, o Penapolense enfrenta o Nacional fora de casa, às 10h. Já o Rio Branco recebe o Paulista, no mesmo horário, no Décio Vitta.

Com gol no fim, Penapolense é derrotado pelo Rio Branco

Nesta quarta-feira (30/09), o Rio Branco recebeu o Penapolense e conseguiu um ótimo resultado pela Copa Paulista. O time da casa venceu por 1 a 0, com gol de André Luiz.

Com a derrota, o Penapolense é o lanterna do grupo com apenas 1 ponto, já o Rio Branco assumiu a segunda posição, com 3.

Rio Branco pressiona, mas Penapolense se segura

Atuando fora de casa, o Penapolense esperou o Rio Branco tomar as primeiras ações do jogo e esperou o adversário em seu campo, apostando em contra-ataques.

E o time de Americana assustou logo aos 5 minutos, com belo chute de Matheus, que Samuel colocou para escanteio.

Aos 16 minutos, a zaga do CAP bate cabeça e André Luiz perde ótima chance de abrir o placar para o time da casa.

O Penapolense chega com perigo pela primeira vez aos 19 minutos, mas o zagueiro trava e manda a bola para escanteio.

Os dois times não criaram boas chances. O CAP voltou a pressionar no final da primeira etapa, aos 42 minutos, Fio tentou encobrir o goleiro e acertou o travessão do goleiro do Rio Branco.

André Luiz marca e garante vitória do Rio Branco

Disposto a vencer fora de casa, o Penapolense começou o segundo tempo no ataque e por pouco não abriu o placar com menos de um minuto. Fio cruzou e Pará cabeceou bem, assustando o goleiro do time da casa.

Aos 17, Fio recebeu passe de Kesley e escorreu na hora da finalização, perdendo ótima chance de abrir o placar.

Mantendo o ritmo e buscando o gol, o Penapolense por pouco não abriu o placar aos 30 minutos com Pará, depois de ótima batida de fora da área.

Na primeira chance do Rio Branco, aos 37 minutos, André Luiz arrisca de longe, a bola desvia e mata o goleiro Samuel, fazendo 1 a 0 para o time da casa.

Depois do gol, o Penapolense se perdeu em campo e o Rio Branco teve 9 minutos para segurar a vitória e conquistar seus primeiros pontos na segunda fase.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo no próximo sábado (03/10), fora de casa, diante do Paulista, em Jundiaí, às 16h. Já o Rio Branco enfrenta o Nacional, em casa, às 19h, também no sábado.

Penapolense conhece a tabela da 2ª fase da Copa Paulista

Foi divulgada nesta segunda-feira (21) a tabela da 2ª fase da Copa Paulista. O Penapolense está no Grupo 7, ao lado de Nacional, Paulista e Rio Branco.

O primeiro adversário do CAP nesta fase será o Nacional, no próximo domingo (27), no estádio Tenente Carriço.

Confira a tabela completa:

27/09 – 10h00 Penapolense x Nacional

30/09 – 16h00 – Rio Branco x Penapolense

03/10 – 16h00 – Paulista x Penapolense

11/10 – 10h00 – Penapolense x Paulista

14/10 – 19h30 Penapolense x Rio Branco

18/10 – 10h00 – Nacional x Penapolense