Com novo elenco e treinador conhecido, Penapolense começa a preparação para Série A2

Thiago Oliveira é novamente o comandante capeano na Série A2 em 2019 (Foto: Divulgação)

Depois de um ano para ser esquecido, com eliminações na primeira fase nas competições que disputou , o Penapolense já começa a trabalhar pensando em 2019. O time se apresentou na última semana para começar os treinamentos visando a disputa da Série A2 no primeiro semestre.

O primeiro reforço foi a volta do treinador Thiago Oliveira, que fez boa campanha na Série A2 de 2018 e acabou saindo para o Batatais na Copa Paulista.

Além do treinador, 15 jogadores que já se apresentaram e estão treinando, nomes conhecidos como o goleiro Samuel Pires e o meia João Lucas (ex-Nacional/SP). Outros nomes devem chegar na próxima semana para completar o elenco.

Em entrevista à TV Tem, o diretor André Garcia, confirmou que a ideia é investir em jogadores mais jovens na montagem do elenco, diferente do elenco de 2018, que tinha muitos jogadores com mais de 30 anos e que sofreu com problemas físicos nas últimas rodadas da competição.

A estreia do Penapolense será no próximo dia 20 de janeiro, contra o Taubaté, no Tenentão.

Confira a tabela completa do CAP na Série A2 de 2019:

20/01 – Penapolense x Taubaté

23/01 – Santo André x Penapolense

27/01 – Votuporanguense x Penapolense

30/01 – Penapolense x Juventus

03/02 – Penapolense x Portuguesa Santista

10/02 – Inter de Limeira x Penapolense

13/02 – Penapolense x Rio Claro

17/02 – Sertãozinho x Penapolense

24/02 – Portuguesa x Penapolense

02/03 – Penapolense x XV de Piracicaba

10/03 – Penapolense x Atibaia

17/03 – Linense x Penapolense

20/03 – Água Santa x Penapolense

24/03 – Penapolense x Nacional/SP

30/03 – São Bernardo x Penapolense 

03/04 e 07/04 – 4ªs de final

14/04 e 20/20 – semifinais

28/04 e 01/05 – final

Anúncios

Penapolense se despede com derrota para o Mirassol na Copa Paulista

0002050343475_img.jpg

Penapolense terminou a competição com sete derrotas em 10 jogos (Foto: Marcos Freitas)

Pela última rodada da primeira fase da Copa Paulista, o Penapolense foi até Mirassol enfrentar o time da casa e saiu derrotado por 3 a 0, com gols de Jardisson, Riccieli e Juliano. Com a vitória, o Leão acabou como líder do Grupo 1 com 21 pontos, já o CAP ficou na quinta posição e deu adeus à competição com apenas sete pontos.

Mirassol sai na frente

Jogando em casa e já classificado, o Mirassol não tinha pressão e conseguiu impor seu ritmo de jogo desde o início da partida. A primeira boa chance aconteceu aos 13 minutos, com Jardisson que perdeu cara a cara com Paes.
Já o CAP chegou apenas uma vez, Yamada arriscou chute da entrada da área e viu a bola tirar tinta da trave.  Aos 45 minutos, Jardisson não perdeu a chance e fez 1 a 0 para os donos da casa, dando ainda mais tranquilidade para o Mirassol.

Goleada e liderança

Com a vantagem, o time do Mirassol continuou pressionando e buscando um bom saldo de gols para tentar terminar como líder do grupo. Já o Penapolense tentava terminar a sua participação já pensando na Série A2 do próximo ano. E a superioridade técnica e tática deu resultado aos 15 minutos, o zagueiro Riccieli apareceu sozinho e fez 2 a 0, de cabeça.
Sem tirar o pé, o Mirassol quase fez o terceiro aos 34 minutos, com Dalberto, que recebeu ótimo passe de Talles, mas perdeu ótima chance. Mas o Mirassol ainda ampliou aos 44 minutos com Juliano, fazendo 3 a 0. A pressão era grande e o time da casa só não fez o quarto graças ao travessão do goleiro Paes.

Próxima fase

Na segunda fase, o Mirassol estará no Grupo 5 ao lado de Red Bull Brasil, Santo André e Osasco Audax. O Grupo 6 terá Ferroviária, Olímpia, Juventus e São Bernardo. No Grupo 7 estarão: São Caetano, Atibaia, Votuporanguense e Rio Claro. E no Grupo 8 terá: Ituano, Taubaté, XV de Piracicaba e Novorizontino.

Mesmo eliminado, Penapolense consegue vitória diante do Novorizontino

Apenas cumprindo tabela, Penapolense e Novorizontino entraram em campo neste sábado (15), sem muitas aspirações nessa primeira fase. O time de Penápolis conseguiu sua segunda vitória na competição – 1 a 0 – diante da equipe de Novo Horizonte.

Com a vitória, o CAP deixa a lanterna para o Batatais e chega aos 7 pontos ganhos, já o Novorizontino continua com 12 pontos e já está garantido na próxima fase.

Poucas chances e zero no placar

Jogando em casa e com um time bastante modificado pelo técnico China, o Penapolense tentou criar algumas chances, mas novamente esbarrou na falta de criatividade de seu meio campo. A chance mais clara do time da casa foi de Danilo Ruiz em cobrança de falta, que passou longe do gol. Já pelo lado do Novorizontino conseguiu um bom chute que passou perto do gol de Fabrício. Apesar de bastante vontade, o placar não saiu do 0 a 0 na primeira etapa.

Colombiano aparece e CAP vence a segunda na Copa Paulista

Na segunda etapa, as equipes voltaram dispostas a tirar o zero do placar. Quem teve a primeira boa chance foi o Novorizontino que viu Fabrício trabalhar depois de ótima cabeçada.

Aos 21 saiu o gol, Batalla recebeu passe, limpou a zaga do tigre e bateu sem chances para o goleiro, fazendo 1 a 0 para o Penapolense.

E o jogo ainda ficou melhor para o CAP aos 36 minutos, quando Vinicius Leandro fez falta dura e tomou amarelo, reclamou com o árbitro e acabou expulso, deixando o Novorizontino com um homem a menos.

Mesmo em desvantagem numérica, o Novorizontino pressionou até o final, mas não conseguiu o empate.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo no próximo sábado pela última rodada da primeira fase, contra o Mirassol, fora de casa, às 15 horas.

CAP perde do Olímpia em casa e dá adeus à classificação

Jogando nesta quarta-feira (12), o Penapolense tinha uma missão difícil diante do Olímpia, vencer e se manter com chances de classificação – ainda assim dependia de outros resultados. Mas deu a lógica no Tenentão, o Olímpia venceu por 1 a 0 e acabou com o sonho do Penapolense em ir para a segunda fase da Copa Paulista.

Com a vitória, o Olímpia chegou aos 15 pontos e se mantém na liderança isolada do Grupo 1, já o CAP continua com 4 pontos e é o lanterna do grupo.

Olímpia sai na frente

Com a vaga praticamente garantida, o Olímpia pouco se arriscava, enquanto isso o CAP até tentava, mas esbarrava na falta de qualidade e criatividade do seu meio campo.

Na melhor chance do primeiro tempo, o Olímpia abriu o placar. Aos 42 minutos, a bola foi lançada na área, Nathan aproveitou o rebote de Paes e fez 1 a 0 para os visitantes.

Paes brilha e evita goleada

No segundo tempo o cenário continuou o mesmo, o Olímpia dominou o jogo e parou em grande atuação do goleiro Paes que salvou o CAP de tomar mais uma goleada na competição.

Com a mesma tática, o CAP tentava usar os contra-ataques, mas esbarrava nos próprios erros de passe e de construção de jogadas ofensivas, facilitando a vida dos visitantes.

Próximo jogo

Pela penúltima rodada da primeira fase, o CAP – já eliminado – recebe o Novorizontino – já classificado – no Tenente Carriço, no sábado (15), às 19 horas.

Penapolense perde para o Batatais e assume a lanterna do Grupo 1

Os dois times de fora da zona de classificação do Grupo 1 se enfrentaram pela 10ª rodada da Copa Paulista, Batatais e Penapolense mostraram em campo o motivo da campanha das duas equipes, num jogo com poucas chances, o Batatais venceu por 2 a 0 e deixou a lanterna com o time do Penapolense.

Com a vitória, o time de Batatais ainda sonha com a classificação, já que chegou aos 5 pontos e tem 4 a menos que o Novorizontino, já o CAP continuou com 4 pontos e praticamente deu adeus as chances de classificação.

Deu sono

Jogando em casa, o Batatais tentou dominar a partida e foi ao ataque com mais perigo. Mesmo assim, as chances não foram tão claras e poucas vezes o goleiro do CAP trabalhou.

Sem ter muita criatividade no meio campo, o time da casa abusava das bolas lançadas na área, sem nenhum efeito.

Já o Penapolense tentava usar os contra-ataques para assustar o time da casa, mas sem nenhum perigo ao goleiro mandante.

Emoção e vitória do Fantasma

Com um segundo tempo um pouco mais animado, o CAP quase abriu o placar, Marcos fez boa jogada e a bola bateu no braço do zagueiro do time da casa. No pênalti, Kesley deu uma cavadinha e viu o goleiro defender a cobrança. No contra-ataque, Wellington aproveitou a chance e fez 1 a 0 para o time da casa.

Com o resultado, o Penapolense praticamente dava adeus às chances de classificação, com isso, o time se lançou ao ataque em busca do empate, mas não conseguiram fazer o gol. Aproveitando esse espaço, o Batatais chegou ao segundo gol com Thales que fez um golaço e deu números finais à partida.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo na próxima quarta-feira (12) quando recebe o Olímpia, às 20 horas, no Tenentão.  

Mais uma! Penapolense perde para o Votuporanguense por 2 a 0

Na abertura do returno da Copa Paulista, o Penapolense recebeu o Votuporanguense e acabou derrotado, nesta sexta-feira, por 2 a 0, com gols de Bruno Baio e Léo Aquino.

Com a vitória, o CAV chegou aos 12 pontos e assumiu a vice-liderança do Grupo 1, com 1 ponto a menos que o Olímpia – que ainda entra em campo neste final de semana. Completam o G4, o Mirassol com dez pontos e o Novorizontino com cinco – o CAP é o 5º colocado com 4 pontos e o Batatais é o lanterna com apenas um ponto ganho.

Sem esforço

Jogando fora de casa, o Votuporanguense se sentiu à vontade e não teve muito trabalho para mostrar sua superioridade. Aos 10 minutos, Léo Aquino aproveitou uma falta próxima à área e bateu forte, sem chances para o goleiro Paes, que ainda viu a barreira abrir, tirando qualquer chance de defesa do arqueiro.

Com a vantagem no placar, o CAV continuou melhor e viu o Penapolense totalmente perdido em campo, sem conseguir passar do meio campo. E o segundo gol surgiu aos 17 minutos, Kennedy fez boa jogada e tocou para Bruno Baio, que ganhou da defesa e bateu sem chances para o goleiro, fazendo 2 a 0.

Depois de sofrer o segundo gol, o CAP tentou criar chances, mas parava na boa marcação do time visitante e também nos erros de passe do seus jogadores. Antes do apito final do primeiro tempo, o Votuporanguense ainda teve três boas chances, que pararam no goleiro Paes.

Segurando o resultado

Em desvantagem, o Penapolense tentou voltar mais ofensivo para a segunda etapa, mas continuava parando nos próprios erros e pouco ameaçava o goleiro visitante. Já o CAV segurava a bola e fazia o tempo correr, garantindo mais uma vitória.

Aos 17 minutos, o CAP chegou a assustar, Wellington Melo recebeu dentro da área e tentou um voleio, mas a bola saiu na linha lateral. Depois foi a vez de Fandinho aproveitar cruzamento e assustar o goleiro visitante. Já no finalzinho, Kennedy recebeu passe de Bruno Baio e por pouco não fez o terceiro dos visitantes.

Próximo jogo

O Penapolense volta a campo no dia 9 de setembro, em Batatais, às 10 horas, para enfrentar o time da casa.

Com muitos gols no 2º tempo, Penapolense é goleado pelo Mirassol

Na abertura da sétima rodada do Grupo 1 da Copa Paulista, o Penapolense recebeu o Mirassol e foi goleado em casa por 4 a 1, com gols de Carlão (2x), Jardisson e Alisson; Wellington Melo descontou para o CAP.

Com a vitória, o time de Mirassol assume a vice-liderança do grupo com dez pontos, já o CAP fica ainda mais longe da vaga e se mantém com os quatro pontos ganhos até agora.

Pouca vontade e pouca emoção

Um primeiro tempo sem fortes emoções, com as duas equipes errando muito e criando poucas chances claras de gol.

Mas apesar das poucas chances, o CAP foi o primeiro a assustar com chute de Yamada, que parou em ótima defesa do goleiro do Mirassol.

Aos 33 minutos foi a vez de Carlão assustar os pouco mais de 110 torcedores que foram ao Tenentão, o atacante bateu forte e a bola passou perto do gol de Paes.

Mirassol não toma conhecimento e atropela o CAP

O intervalo fez bem ao time visitante e não demorou para Carlão tirar o zero do placar, aos seis minutos, o atacante subiu e fez 1 a 0 para o Mirassol. O time do CAP não teve nem tempo de reagir, dois minutos depois, Carlão, de novo, fez 2 a 0 para os visitantes.

Aos 16 minutos foi a vez de Jardisson marcar o seu e fazer 3 a 0 para o Mirassol, acabando com a chance de reação do Penapolense.

E o placar não foi mais elástico graças às defesas do goleiro Paes que evitou pelo menos duas chances reais.

Quando o jogo já caminhava para o fim, Kesley driblou dois zagueiros e acertou o travessão do goleiro visitante, quatro minutos depois, Yamada fez boa jogada pela direita e cruzou pra Kesley que desviou de cabeça e viu o goleiro fazer excelente defesa.

O Penapolense só conseguiu descontar aos 35 minutos, quando Wellington Melo recebeu um ótimo lançamento, cortou e bateu forte de fora da área, sem chances para o goleiro, fazendo 3 a 1.

Com o gol, o CAP foi para o ataque para tentar descontar e viu o Mirassol fazer o quarto gol com Alisson, que bateu sem chances, fazendo 4 a 1 e dando números finais à partida.

Próximo jogo

O Penapolense volta à campo na próxima sexta-feira (31) para enfrentar a Votuporanguense, no primeiro jogo do returno da Copa Paulista, às 20 horas, no Tenente Carriço.